Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo sonhos

Você pode viver seu sonho

TEXTO do vídeo - "Eu não sei qual é o sonho que você tem, não me importo em quão desapontado deve estar enquanto trabalha em direção a este sonho, mas este sonho que está em sua cabeça, ele é possível! E você já sabe que será trabalhoso, não será fácil, é difícil mudar sua vida, que no processo de mudar sua vida, você sera exposto a varias desilusões, vários fracassos e um monte de dor. Há momentos em que vai duvidar de si mesmo, vai perguntar a Deus 'por que isso está acontecendo comigo? Estou apenas tentando cuidar dos meus filhos e minha mãe, não estou tentando pegar ou roubar de ninguém, por que isso tem que acontecer comigo?'. Para todos aqueles que já vivenciaram alguma dificuldade, não desista do seu sonho.      Os tempos difíceis virão, mas eles não virão pra ficar, eles virão pra passar. Grandeza não é nada de maravilhoso, esotérico, ilusório, algo que somente os eleitos poderão provar. É algo que realmente existe, em todos nós. É importante você acreditar

O que importa são os sonhos

O que importa são os sonhos... "Há quem diga que todas as noites são de sonhos.  Mas há também quem garanta que nem todas, só as de verão. No fundo, isto não tem muita importância.  O que interessa mesmo não é a noite em si, são os sonhos. Sonhos que o homem sonha sempre, em todos os lugares, em todas as épocas do ano, dormindo ou acordado." (Sonho de uma Noite de Verão)- W. Shakespeare Os sonhos, os desejos, tudo aquilo que estabelecemos como meta a alcançar, são motivadores. São como combustível a mover nossa máquina. Quem não sonha fica inerte, parado no tempo....simplesmente desmotivado. Estabeleça objetivos e metas. Corra atrás de seus sonhos, independentemente do tempo que possa levar para alcança-los. Organize-se levando em consideração o tempo de cada um. Alguns sonhos podem ser alcançados muito rapidamente, outros demoram um tempo maior. Mas isso não importa! O que importa é sonhar. Algumas pessoas sonham com casas, carros, dinheiro, fama. São esc

Perseverare

Adebayo sentia-se infeliz. Reclamava constantemente da infelicidade que tomava conta de seus dias. " Não sou triste. Sou uma pessoa infeliz. Nada me satisfaz ou faz graça". Já passou por tantos fracassos e tantas desilusões que não acredita em seu potencial. Nunca conseguiu nada que tenha almejado, pessoal, profissional ou socialmente. Perdeu a noção de quantas vezes sonhou e viu tudo desmoronar. Sempre construiu castelos que ruiram, um após outro. Tornou-se um descrente de si mesmo. Vivia perdido em devaneios de auto-comiseração e intitulava-se flagelado na alma. Seu discurso fazia lembrar o poema de Álvaro de Campos , " Passagem das Horas ": "Trago dentro do meu coração,  Todos os lugares onde estive,  Todos os portos a que cheguei,  Todas as paisagens que vi... E tudo isso, que é tanto, é pouco para o que eu quero..... ....Experimentei mais sensações do que todas as sensações que senti,  Porque, por mais que sentisse,

A conquista do Segredo

Um dos maiores segredos não é tão dificilmente desvendável, embora seja procurado ou desejado por todos os seres humanos. Quem ainda não foi questionado por alguém, provavelmente já fez em algum momento esse autoquestionamento. Afinal, qual é o segredo para a Felicidade? Creio que a felicidade seja algo bastante simples. Alguns são capazes de encontrar o segredo da felicidade em um despertar pela manhã, pelo simples fato de estar diante de mais um dia cheio de novas oportunidades de aprendizagem e evolução pessoal. Outros conseguem a felicidade no delicioso cheiro de um café recém-feito, acompanhado de um pedaço de pão ou bolo, sentado confortavelmente, sem qualquer pressa, apenas para deliciar cada nota de cheiro ou sabor. Ou ainda na beleza das flores, principalmente com seu perfume exalado na evaporação do orvalho. Outros sentem que a felicidade é poder viver um grande amor ou ainda ter uma família unida, com sentimentos de paz, harmonia e companheirismo. Muitos acham que o

Caminhada

Apenas mais uma reflexão..... O que te leva mais distante? As pernas ou a mente? Nas nuvens que povoam os céus de nossa mente, Formam-se sonhos das mais variadas formas. Nessa vastidão mental, Permita que seus sonhos conduzam seu corpo.

Quimera

A vida é feita de sonhos. Há 30 anos, de um parto sofrido nascia Argemira, sem choro, à luz de velas. Muito sua mãe sofreu nesse parto, que em seu casebre concebeu. Cresceu lentamente, tão raquítica e delicada. E seus primeiros passinhos demoraram a acontecer. Falar algumas palavras, somente depois dos 7 anos de idade. Na escola, caçoada, tão tímida e isolada, não conseguia aprender. Menina estranha, acuada, simplesmente não aprendia nada. Frequentou, sim, até a 4®série. Mas a escola abandonou, tamanho constrangimento por nada aprender. E cabe aqui parentesar. Quem abandonou quem? Então os anos correram. Argemira, humilde, não obstante batalhadora, sempre em casa, solitária, sonhadora. O sonho? Aprender. Argemira nunca esqueceu o contato que teve com as palavras escritas. Guarda, ainda, seu caderninho de caligrafia. Todos os dias, lá no mesmo casebre que um dia a recebeu em um rasgo purpúreo, senta-se na mesinha capenga da cozinha. À luz enfumaçada do lampião, Argemira tenta ler

Quer ser uma pessoa mais ou menos?

"A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos. A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro. A gente pode olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos...  TUDO BEM!  O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum... é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos.   Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos." Chico Xavier

Na direção de seus sonhos

O conforto é simplesmente uma situação a que estamos acostumados. O corredor de maratona sente-se mais à vontade correndo do que ficando sentado, mesmo que correr demande mais esforço físico. O vendedor bem-sucedido sente-se mais confortável fazendo telefonemas que dando desculpas. O preguiçoso acha mais confortável estar desconfortavelmente acima do peso do que levantar e dar uma caminhada em volta do quarteirão. Boa parte do que consideramos confortável nem mesmo é prazeroso. Na verdade, muitas vezes chega a ser desagradável. Ainda assim, temos a tendência de fazer aquilo a que estamos acostumados. O conforto está nos olhos de quem vê. Comprometimento, foco e esforço bem dirigido podem ser tão confortáveis quanto a preguiça e a indulgência. É seu desejo ter certas regalias? O que está lhe detendo? Então, reexamine e redefina o que você considera confortável. Sinta-se confortável com as coisas que o levarão na direção dos seus sonhos.