Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo experiências

Tão bom viver

"Tão bom viver dia a dia... A vida assim, jamais cansa... Viver tão só de momentos Como estas nuvens no céu... E só ganhar, toda a vida, Inexperiência... esperança... E a rosa louca dos ventos Presa à copa do chapéu. Nunca dês um nome a um rio: Sempre é outro rio a passar. Nada jamais continua, Tudo vai recomeçar! E sem nenhuma lembrança Das outras vezes perdidas, Atiro a rosa do sonho Nas tuas mãos distraídas..." -Canção do dia de sempre- Mário Quintana

Escada da vida

Há muitas pessoas que têm o hábito de se preocupar constantemente. E essa preocupação incessante, muitas vezes, domina todos os segundos de seu dia. Quase nunca estão livres de um ou de muitos problemas, de uma ou de várias doenças. O excesso de preocupações transparece no rosto. Deixa as pessoas como que hipnotizadas ou petrificadas, com dificuldade para sorrir, relaxar, aproveitar a vida. A preocupação com elas próprias e com o que têm a esclarecer é tão grande que não lhes sobra tempo para viver. Só falam de si, só lhes interessa o que se passa com elas e acabam ensimesmadas. Mas, afinal, em que direção devemos caminhar ? Para quem fazemos as coisas? Como nos comportamos quando os esforços que empreendemos parecem em vão? A diferença entre as pessoas reside na maneira como se deixam tocar pelos acontecimentos. Como podemos lidar com as frustrações e o que aprendemos a partir destas experiências vividas.