Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 8, 2010

E porque isso José?

José sempre teve um desejo. Queria ter filhos. Trabalhava muito e quase não descansava. Agora José não é mais o mesmo de outrora. Vive com medos e pensamentos ruins. A insegurança o maltrata. Os pensamentos lhe afligem. Tanto queria carregar um filho nos braços. E agora José não tem coragem. Seus pensamentos o condenam. Tem medo de si. Culpado! Culpado! Gritam-lhe os pensamentos. -Mas José, porque tem medo?Porque a culpa? -Não sei! Acho que posso fazer mal. -E porque isso José? -Não sei quem sou, tenho medo de mim. E agora José terá uma batalha. Talvez a mais difícil de todas. José tem que vencer a si próprio. Superar suas inseguranças e medos. Vencer seus bloqueios e traumas. Melhorar sua auto-confiança E seus pensamentos? -Ora bolas!! São apenas frutos de sua mente.

Aos filhos esquecidos

Todos os anos os pais são lembrados no segundo domingo de agosto. Assim como as mães no segundo domingo do mês de maio. Toda vez que temos uma data comemorativa referente a pais e mães, faço a mesma pergunta: -E nos outros 364 dias do ano? Eles não precisam ser lembrados? Sabemos de pais e mães abandonados em asilos porque os filhos não querem ter o trabalho de cuidar de sua velhice. Esquecem seus filhos, simplesmente, destes pais que cuidaram de seu crescimento. Sabemos de pais e mães que são maltratados diariamente, humilhados, destruídos moralmente. Esquecem seus filhos, simplesmente, das palavras de estímulo e apoio que tiveram na infância e adolescência. Depois de um tempo os pais são velhos. Simplesmente muito velhos para se tolerar sua presença. Esquecem seus filhos, simplesmente, que seus velhos pais doaram muitos destes anos de vida às vidas destes esquecidos filhos. E então é necessário que se crie uma data comemorativa. Assim, filhos esquecidos podem s