Chega de Preconceitos

DOENÇAS MENTAIS

A doença mental é com freqüência relacionada com o mendigo que deambula pelas ruas falando sozinho, com a mulher que aparece na TV dizendo ter 16 personalidades e com o homicida “louco” que aparece nos filmes.Palavras como “maluco”, “esquizofrênico”, “psicopata” e “maníaco”, são vulgarmente utilizadas na linguagem do dia-a-dia. As pessoas olham-se e dizem: “Isto não me vai acontecer de modo nenhum, não sou maluco, venho de uma família sólida”, ou, então, “a doença mental não me afeta, isso é problema dos outros.” O Estigma relacionado com a doença mental provém do medo do desconhecido, dum conjunto de falsas crenças que origina a falta de conhecimento e compreensão, além do PRECONCEITO. Procura-se que haja uma melhoria do conhecimento, desmistificando falsas crenças e estereótipos e fornecendo novos dados acerca das doenças mentais e das pessoas que delas sofrem. Hoje, os tratamentos evoluíram muito e há medicações que podem trazer à normalidade e controle dos sintomas. Contudo, infelizmente a sociedade não acompanhou a evolução dos tratamentos e melhorias ocorridas na Saúde Mental e, ainda presa a uma imagem retrógrada e negativa, discrimina e exclue pessoas que necessitam desse tratamento.
Acordem!!!!
Hoje, com tantos meios de acesso ao conhecimento......
....................................................................................é inaceitável esse preconceito

Comentários