Elemento Água

Assim como não devemos bloquear as águas de um rio, não devemos bloquear nossas emoções, mas sim fazer com que elas fluam harmoniosamente como as margens de um rio. Pensando nisso, o que acontece, com águas paradas? O que acontece quando bloqueamos nossas emoções? O Elemento água está diretamente ligado às emoções, assim como a Lua.
Quando não estamos bem, por qualquer motivo, sentimos uma sombra escura, e somos arrastados a medos, depressões, desesperanças. Busca-se a felicidade, mas, para alguns, ela é sempre temporária, não dura.
As crises pessoais ocorrem quando percebemos a inutilidade de um velho padrão, mas continuamos insistentemente apegados a ele, porque nos é mais seguro e familiar. É manter-se na mesmice, é o medo de encarar novos caminhos, é seguir como um “carneirinho” a condução que lhe é determinada.
Para isso precisamos de algo verdadeiro, simples e eficiente, para poder atravessar as águas das emoções que acompanham as transformações, e o crescimento que advém das crises pessoais.
Precisamos estar conscientes que na medida da expansão da consciência, velhas estruturas tendem a cair. O modo antigo vai se dissolvendo e, por vezes, tomamos medidas para entorpecer nosso sofrimento, criando ilusões.
Não há como evitar os sentimentos, somos seres humanos. Há como passar por eles e aprender com suas lições. Negar ou evitar os sentimentos os intensificam, eles crescem e se tornam maiores na nossa vivência. Aceitar é reafirmar que estamos prontos para acompanhar e transpor o sentimento de imediato, de maneira que podemos aprender, e crescer na jornada.
Só você pode transformar a sua vida. O poder de decisão é o poder pessoal que poderá fazer isto.



Comentários